PROFESSOR
ESSIO

- Partido Democrático Trabalhista - NÓS TEMOS HISTÓRIA

Fazendo a Conta

Das treze secretarias restarão apenas oito pela nova reorganização administrativa da Prefeitura, a partir de 2014. Extintas a de Desenvolvimento Econômico e Turismo e transformadas em adjuntas as três secretarias criadas nesse primeiro ano: Cultura, Esporte e Relações Institucionais além da adjunta Gestão Pública no lugar da Administração. Instituídas, também, quatro coordenadorias: Compras, Licitações e Contratos; Segurança e Mobilidade Urbana; Comunicação e Planejamento Estratégico.

A novidade fica com a da Segurança que acrescentará a Guarda Municipal. O Turismo será um departamento no Meio Ambiente e o Desenvolvimento uma divisão na de Governo.

Esses novos órgãos inicialmente serão estruturados com quatro novos cargos de coordenador acrescidos no topo do quadro de pessoal comissionado abaixo, apenas, dos novos quatro cargos de secretários adjuntos. Imagina-se que para a Guarda Municipal serão contratados servidores através de concurso público.

Legítimo, no primeiro ano, o gestor reavaliar o tamanho ideal do aparato administrativo necessário para atingir os seus objetivos prioritários de governo para oferecer bons serviços públicos reclamados pelos moradores do município.

Nesse sentido, não se trata do tamanho da máquina pública nem dos recursos comprometidos, mas o que vale mesmo é como ela funciona em prol do cidadão, se atende com eficiência às necessidades exigidas pela cidade.

Razoável crer que ao optar por aumentar o aparato administrativo o governo levou em conta o acréscimo na folha de pagamento dos comissionados com as demais despesas de custeio, o crescimento constante das despesas correntes que provoca e, por conseqüência, a diminuição da capacidade de investimento público na cidade. E, ainda, pela Lei de Responsabilidade, que fixa tetos máximos com a folha de pessoal, a possibilidade de melhores salários para o restante dos servidores. O desempenho da máquina pública depende do grau de satisfação e da motivação de todos os seus servidores.

Enfim, os méritos das escolhas das prioridades para a cidade são do Executivo. Em jogo os rumos do desenvolvimento ambiental, econômico e social de Mairiporã. 

Autor: Professor Essio Minozzi Junior

Professor Essio Minozzi Junior

PROFESSOR ESSIO
Vereador - PDT

Gabinete
Câmara Municipal de Mairiporã
Alameda Tibiriçá, nº 340 - Vila Nova
Mairiporã/SP - CEP.: 07600-000
Contato:
Gabinete: (11) 4604-0800 - ramal 221
ESTAMOS REALIZANDO A MANUTENÇÃO DO SITE
alguns links poderão não funcionar